NEPOTISMO. Munícipio já está exonerando funcionários com parentesco com vereadores

Prefeito garantiu que vai demitir os enquadrados na situação pel MP

Foto: Ascom|PMP

prefeitura-ptc

As decisões já começaram no departamento de pessoal do governo


Da redação da Rede Hoje


O prefeito de Patrocínio, Deiró Marra, disse em entrevista à TV Band que vai exonerar os funcionários enquadrados como nepotismo - parentesco com vereadores de Patrocínio - pelo Ministério Publico, em denuncia feita pelo vereador José de Arimateia(Dr Ari) .

 

Como se sabe, a promotora Sandra Guimarães apurou as denuncias e abriu uma ação civil publica por atos de improbidade administrativa, contra seis pessoas ligadas aos vereadores que foram citadas pelo Dr. Ari.

 

Os funcionários denunciados foram: Gislaine Luzia dos Santos , legada ao vereador Pastor Alaércio; Israel Pinheiro, irmão do Vereador Joel Carvalho; Rodrigo Gonçalves Moraes, marido da vereadora Raquel; Marília Aparecida dos Reis esposa do Vereador Valtinho Jandaia; Marcela Jacinto, filha da vereadora Marcilene Jacinto e Fabrício de Oliveira, filho do Vereador Salitre.

 

Deiró Marra disse na entrevista que vai acatar a recomendação do Ministério Público e vai exonerar os funcionários citados, que não teve a intenção de burlar a lei. Segundo o prefeito, todos os indicados são “pessoas qualificadas, que dedicam e trabalham pelo município. Mas se a lei esta ai, nos vamos cumprir”, afirmou .

 

De acordo com o Jornal de Patrocínio, assessores do município informaram as providencias para exoneração já foram tomadas e os funcionários citados na ação não trabalham mais para o município.